Uma breve nota / by Ruben Mália

Hoje no Expresso diário, um artigo de opinião sobre o Bairro do Aleixo assinado por Valdemar Cruz com fotos de Rui Oliveira. 
Após uma visita a Galeria Geraldes da Silva, o jornalista não conseguiu ficar indiferente ao projecto do Aleixo lá exposto, mas também deixou uma breve nota sobre as outras duas exposições. 

"Tropecei há dias nos gritos saídos do Aleixo durante uma pequena deambulação pela baixa do Porto. Ao passar pela rua de Stº Ildefonso, após o cruzamento com a rua da Alegria, descobri a Galeria-Atelier Geraldes da Silva, dispersa pelos vários andares de um prédio imenso, antigo e recuperado. Lá dentro, três exposições de fotografia, cada uma delas a merecer um sublinhado especial. No rés-do-chão, “Aqui há gente”, de Ruben Mália, uma muito sensível viagem pelos rostos de quem continua a dar vida aos velhos bairros do Porto, para lá do frenesim turístico derramado sobre a cidade. No terceiro andar, Helena Flores proporciona-nos uma comovente “Saudade levada ao peito”. É uma exposição sobre o luto. O luto das mulheres de Caxinas a quem o mar levou os seus amados. O mar devorou-lhes maridos, filhos ou netos, mas elas conservam-nos colados ao peito, em pequenas fotos cristalizadas no esmalte pendente de medalhões ou voltas em ouro."